Eleições 2014: Qual o plano B de Luciano Bispo? Arnaldo, Roberto, Galeguinho, Olivier…

O ex-prefeito poderá ter problemas com a candidatura a deputado

Até o momento não há nada que sustente a informação de que o ex-prefeito de Itabaiana, Luciano Bispo de Lima (PMDB) não será candidato a deputado estadual na eleição de outubro de 2014.

Mesmo com vários processos tramitando na justiça do estado e nas instancias federais tanto em Recife no TRF5, como em Brasília no STJ e STF, além de outra situações no Tribunal de Contas da União – TCU e Tribunal de Contas do Estado – TCE, alguns com decisões desfavoráveis ao líder do Progresso com Liberdade é temeroso qualquer afirmativa neste sentido.

Esta situação, no entanto, expõe uma duvida; não sendo Luciano o candidato do grupo Progresso com Liberdade a deputado estadual quem o será?

Arnaldo Bispo (DEM) pra um quarto mandato, adiando seu projeto de aposentadoria, Roberto Bispo (PMDB) para estrear como candidato e herdeiro dos irmãos; a vereadora Ivoni Andrade (PMDB) que carrega no íntimo a frustação de não ter sido escalada para ser a vice de Luciano na eleição de 2012 exatamente porque o PT estava chegando com Olivier Chagas para compor como vice e agora poderá ser recompensada com uma candidatura a deputada; a ex-primeira dama Roseli Andrade, que dispensa comentários, ou o empresário Carlito Ferreira de Jesus, o Galeguinho da Roupa, figura que dentre os citados é o que mais tem se exposto na mídia local como o contestador e delator contumaz do adversário, e que se destaca também por sua robustez econômica e de repente pode entender que como deputado é melhor para o grupo?

Quem será o titular de um hipotético plano “B” do Progresso com Liberdade?

Não sendo Luciano o candidato, o PT local apoiará outro nome indicado por ele ou buscará ocupar o espaço propondo a candidatura do seu líder maior Olivier Chagas? São apenas perguntas diante de uma hipótese.

Deixe uma resposta